Autora: Trudi Canavan
Editora: Novo Conceito
Páginas: 534
Ano: 2012
Gênero: Literatura Estrangeira-Ficção Fantasiosa
Nota: ♥ ♥ ♥ ♥ 
Onde encontrar: Submarino

Sinopse: Sozinha entre todos os aprendizes do Clã dos Magos, somente Sonea vem de uma classe menos privilegiada. No entanto, ela ganhou aliados poderosos, como Lorde Dannyl, recentemente promovido a Embaixador. Ele terá, agora, de partir para a corte de Elyne, deixando Sonea à mercê dos boatos maliciosos e mentirosos que seus inimigos continuam espalhando... até o Lorde Supremo entrar em cena. Entretanto, o preço do apoio de Akkarin é alto porque, em troca, Sonea deve proteger seus mistérios mais sombrios. Enquanto isso, a ordem que Dannyl está obedecendo, de buscar fatos sobre a longa pesquisa abandonada de Akkarin sobre o conhecimento mágico antigo, o está levando a uma extraordinária jornada, chegando cada vez mais perto de um futuro surpreendente e perigoso.

O primeiro livro da trilogia do mago negro já foi resenhado aqui há um tempo atrás. Agora, após a leitura do segundo livro da trilogia, pude entender todo o universo descrito no primeiro, dando assim uma melhorada na leitura e uma satisfação fascinante.


Ao contrário do primeiro livro, que era bem mais introdutório e posso arriscar arrastado. Nesse temos um enredo mais dinâmico e acontecimentos mais interessantes para o leitor. Em o Clã dos Magos, perdemos muito tempo tentando capturar Sonea e sua passagem pelo clã foi apenas para nos apresentar as disciplinas e os detalhes. Já em A aprendiz, as coisas vão acontecendo e vemos personagens mais maduros e centrados. Mais legais.

A história vai se encaminhando de forma descritiva, como já se era esperado. Os plots são alternados entre Sonea, Lorde Dannyl, Lorde Rothen e Lorde Lorlen. Sonea está frequentando a universidade de aprendizes, aprendendo a exercer sua magia e a sua paciência, já que ela tem vários pequenos inimigos por perto. Ela é perseguida por um jovem aprendiz em particular, que lhe da um bom trabalho. Já com Lord Dannyl, nomeado segundo embaixador do clã, após sua negociação com os ladrões no livro passado. Ele vai em busca de novos acordos e um pedido em especial do Lord Lorlen, que consiste em refazer os passos do Lorde Supremo (cujo qual teve coisas relavadas no final do primeiro livro).

O livro segue essa linha. É preciso ler com muita atenção, principalmente os capítulos do Lorde Dannyl. Pra ser bem sincera, por vezes desejei pulá-los, porque de início não havia nada acrescentador. Porém, eu continuei, persisti e foi a melhor escolha que eu fiz. Todo esse plot do segundo embaixador é importante e necessário para o introduzir e desmascarar o Lorde Supremo.

Acredito que esse segundo livro é mais informativo, já que o foco se da em sua maioria, na aprendizagem de Sonea. Os plots alternados também nos ajudam a entender sobre tudo o que acontece em todo o clã e fora dele. Com personagens importantes, vivendo momentos distintos, mas que no fundo se ligam, a ideia da autora de escrever sobre cada um, nos trouxe uma rica fonte de informação, deixando a leitura mais completa.

É um livro divertido, dinâmico e inteligente. Te prende, te faz viajar naquele mundo de Sonea. Te faz ficar curioso e querer saber sobre tudo que acontece e os segredos do clã. É uma leitura que vale a pena.

"_ O que você diz e o que você faz são coisas diferentes. Você sabe disso. Apenas porque você roubou sem necessidade muito tempo atrás, não significa que fará isso agora. Se você tivesse algum tipo de hábito irresistível por roubar, nós teríamos tido indícios disso há mais tempo. Você deve negar, clara e veementemente, mesmo que pense que ninguém acreditará em você." (p.208)

Um Comentário

  1. É a primeira vez que encontro uma resenha deste livro, realmente não conhecia, mas parece bem interessante. Fiquei com vontade de ler. Ótima resenha.

    http://alinefevalmirjunior.blogspot.com.br/2014/12/book-trailer-temores-no-mundo-dos-mortos.html?showComment=1425652017686#c3435040205736070543

    ResponderExcluir